segunda-feira, 29 de agosto de 2016

A importância das fábulas para o desenvolvimento das crianças

Fábula: o que é? Qual sua importância para a criança?
Sabemos que a leitura e a contação de histórias trazem muitos benefícios para a educação dos pequenos. Portanto, é bom lembrar de incluir também as fábulas na rotina da leitura.
As fábulas são pequenas narrações que transmitem algum ensinamento ou lição. Essas histórias costumam tratar de temas comuns no dia a dia das crianças, trazendo como personagens os animais que possuem atributos humanos: eles falam, pensam e agem como as pessoas. Dessa forma, cometem erros e acertos e possuem qualidades e defeitos. Ao mesmo tempo que contam uma história “real”, as fábulas remetem a um mundo mágico e imaginário, aproximando-se do universo infantil em forma de fantasia.
As crianças aprendem observando e imitando o que vivenciam. Ao ouvirem uma fábula, elas têm a oportunidade de refletir sobre suas atitudes e valores, tanto no relacionamento com amigos e colegas, quanto com os familiares. Por isso a importância da leitura de fábulas para a educação e aprendizado das crianças.
Mas atenção: nem sempre você precisa contar às crianças qual é a moral da história. Muitas vezes, é mais interessante para o aprendizado deixar que elas mesmas elaborem a moral, a fim de que desenvolvam a capacidade de reflexão e a análise crítica. Em determinadas ocasiões, a história pode ser somente contada, e em algum outro momento do dia a dia ela reaparecerá, trazendo consigo uma oportunidade de aplicação dentro do cotidiano da criança.
As fábulas também são caracterizadas por apresentarem eventos extraordinários, mas ainda assim, familiares às crianças. O tom lúdico proporcionado pelos animais a respeito de um problema ou situação inusitada, pode ajudar a criança a compreender questões que uma conversa séria ou uma bronca não conseguiriam resolver. Essas histórias podem ajudar os pequenos a enfrentar os fatos de uma maneira responsável e divertida.
História: Esopo e a origem das fábulas
Dizem que a fábula é uma das formas mais antigas de se contar histórias. Seu criador é Esopo, um escritor muito sábio da Grécia Antiga (século VI a.C ) que escolhia animais, como raposas, tartarugas, lebres, formigas e cigarras para personagens. Através deles, as histórias podiam retratar as atitudes das pessoas de sua época e mostrar o que era certo e o que era errado. Por isso, algumas fábulas são chamadas de “Fábulas de Esopo”. Mas também muitos outros escritores dedicaram-se a esse tema e ficaram mundialmente famosos, como o latino Fedro (15 a.C. – 50 d.C.) e o francês Jean de La Fontaine (1621 – 1695). Hoje, as fábulas foram modernizadas para atrair os pequenos leitores e recontadas por novos autores.
No livro “A Cigarra e a Formiga”, qual será a lição que a formiguinha dá para a cigarra?
Autora: Annamaria Píffero Rangel – Nível F: para crianças de 6 a 7 anos
O livro “A Floresta Encantada” traz aventura e fantasia para ensinar uma lição muito importante para os pequenos.
 Autora: Lara Gassen Monteiro – Nível P: para crianças de 7 a 9 anos
“A Tartaruga e A Lebre” é mais uma fábula de Esopo transformada em poesia, que traz valores importantes para o aprendizado das crianças.
Autora: Annamaria Píffero Rangel – Nível F: para crianças de 6 a 7 anos

Nenhum comentário:

Postar um comentário